AD Maristas 0 Lusófona VC A 3
14-25 7-25 14-25
Lusófona VC 3 CR Piedense 0
25-13 25-14 25-19

Lusófona VC 3 x CR Piedense 0

25-13 25-14 25-19

Mais um fim de semana em que ambas as equipas saíram vitoriosas.

Lusófona A

A nossa equipa não teve dificuldades em vencer a equipa dos Maristas.

Foi muito evidente o desequilíbrio entre as duas formações.

A equipa da lusófona comandou o jogo do início até ao fim.

Começa a ser difícil motivar as jogadoras para treinar mais e melhor, quando não existe estímulos ou jogos desafiantes no fim de semana.

Leonor Faísca:

"O jogo frente aos Maristas de Lisboa que disputamos foi bastante acessível, fomos consistentes nas nossas ações não dando margem ao adversário para equilibrar o resultado.
O primeiro toque tem de melhorar, principalmente as bolas mortas para que haja um jogo mais acelerado.
Tivemos eficácia no terceiro toque podendo ser melhor ainda.
Mostrámos ser uma equipa que não desiste de nenhuma bola independentemente do resultado".

Lusófona B

Hoje a equipa das Cadetes B receberam o CRP.

A equipa entrou muito bem com poucos erros que permitiram um domínio claro do jogo.

O primeiro e segundo set foram o maior destaque, tendo a equipa da lusófona apresentado uma grande consistência no primeiro toque permitindo uma maior agressividade no momento da finalização.

O terceiro set ficou mais uma vez marcado com um descuido na receção, permitindo ao adversário equilibrar o jogo através do serviço. Na reta final as Cadetes pegaram no jogo e acabaram por vencer pela margem máxima.

Gonçalo Silva:

"Estivemos muito bem durante todo o jogo no entanto temos de trabalhar a consistência do primeiro toque ao longo dos jogos.
Vamos continuar a trabalhar para fazer mais e melhor."